Estamos todos enfrentando dificuldades, alguns de nós estão doentes, alguns perderam pessoas queridas, seus empregos, não têm renda, não podem ver suas famílias, se sentem sozinhos, assustados, ansiosos, incertos sobre o futuro. O que todos nós precisamos é permanecer psicologicamente fortes. Precisamos ser resilientes. Aqui estão algumas dicas que podem ajudá-lo a ser forte nesses tempos difíceis.

      1. Este momento passará

Segundo Martin Seligman (o fundador da Psicologia Positiva), um dos estilos explicativos otimistas é acreditar que coisas ruins que acontecem conosco são apenas temporárias. Precisamos nos lembrar que o coronavírus, a quarentena e o bloqueio passarão mais cedo ou mais tarde e as coisas voltarão ao normal. Não fique catastrofizando. Catastrofizar é quando você imagina o pior cenário possível. Eu nunca vou conseguir um emprego novamente. Não poderei receber um bom salário como costumava. Não poderemos viajar por anos. É apenas uma crença que não é verdadeira. Tudo passará mais cedo ou mais tarde.

      2. Aceite o que você não pode mudar

Há coisas e pessoas que não podemos mudar, ficar chateado com isso ou tentar mudá-las é apenas um desperdício de energia e tempo. Quais são todos os aspectos dessa situação que você não tem poder de influenciar ou controlar? Anotá-os! Podem ser as decisões do governo, o comportamento de outras pessoas, a progresso do vírus etc. Pare de tentar mudar o que você não pode mudar! Aceite estes aspectos e deixe-os pra lá! Confie que tudo acontece por uma razão e somente no futuro você verá os pontos se conectando, você entenderá por que isso aconteceu.

3. Concentre-se no que você pode mudar e tome ações intencionais

Agora, pergunte-se: Quais aspectos dessa situação eu posso mudar, controlar ou influenciar? Escreva-os. É aqui que você deve gastar sua energia. Estas são as coisas em quais você deve focar. Ok, perdi meu emprego, mas posso criar algo novo, trabalhar on-line, me reinventar. Ao identificar o que é possível mudar, pense em ações intencionais que você pode tomar. O que posso fazer para melhorar essa situação? Inicie um canal no youtube, escreva um blog, crie um webinário ou curso on-line, estude, passe tempo com sua família etc. Fazer algo é melhor do que não fazer nada.

4. Não tem problema chorar

Estamos passando por tempos muito difíceis.  Não tem problema chorar de vez em quando. Ter sentimentos nos torna humanos. Não engarrafeça suas emoções, deixe sair. O que acontece se eu lhe disser para não pensar em um urso branco? Você vai pensar em um urso branco. O que acontece se você disser a si mesmo: você não pode ficar triste, você se sentirá infeliz. Quanto mais lutamos contra a nossa tristeza, mais tristes ficamos. Como a terapia de aceitação e compromisso sugere, aceite seus sentimentos e aprenda a não exagerar. Em seguida, comprometa-se com algumas ações que ajudarão você a se sentir melhor. Eu estava chorando quando comecei a escrever este artigo. Chore por um tempo para aliviar, mas depois comece a fazer algo, talvez ainda com lágrimas no rosto, mas faça alguma coisa. Leia mais sobre como se livrar de pensamentos e sentimentos perturbadores aqui.

5. Peça ajuda

Um dos ingredientes mais importantes para fortalecer nossa resiliência são as conexões com outras pessoas. Quando temos pessoas ao nosso redor em quais podemos confiar e podemos contar com elas, não há montanha alta o suficiente para não podermos escalá-a. Somos animais sociais, precisamos ter pessoas próximas a nós. Não tenha orgulho de pedir ajuda ou suporte. Pesquisas científicas mostraram que ajudar a os outros nos torna mais felizes. Ao pedir ajuda, você na verdade fará essa pessoa feliz enquanto a pessoa estará te ajudando. E o distanciamento social? Você pode perguntar. Temos ótima tecnologia disponível! Você pode usar o whatsapp, Skype, Zoom e outros aplicativos para conversar com sua família e amigos. Use-o! E lembre-se de mais uma coisa: juntos somos mais fortes.

6. Exercite-se, coma saudável e durma bem

Apesar de estar fechado em casa, faça alguns exercícios a cada dois dias. Existem muitos vídeos ao vivo no Instagram ou no YouTube para se exercitar em casa. Você pode pular, fazer esquadrões, correr pela sala de estar. Eu, pessoalmente, gosto do BOSU, você não precisa de muito espaço para usá-lo e há vídeos disponíveis no You Tube. O exercício libera o hormônio da felicidade serotonina e cansa seu corpo isso ajuda dormir melhor à noite. Coma de forma saudável, não coma demais bisteiras. Estamos em casa e não temos nada para fazer, então vamos atacar a  geladeira. NÃO! Eu vejo tantas piadas sobre pessoas que ganham 20 kilos durante a quarentena. Pratique seu autocontrole. Você não pode se controlar, você diz? Existe uma solução fácil. Não compre bisteiras! Se você não as tem em casa, não as come!

Estas são apenas algumas coisas que você pode fazer para se manter mentalmente forte. Se precisar de mais ajuda para aumentar sua resiliência, entre em contato conosco e agende seu primeiro Coaching de Resiliência Psicológica aqui ou diretamente pelo whatsapp +55 21 967871433.

Autora: Pavla Belostikova, Master of Human Decision Science